A Universidade Estado do Amapá apoia o Outubro Rosa. Prevenir é uma das melhores formas de lutar!
Foto: Floriano Lima
Engenharia Florestal - Área de Atuação

A Engenharia Florestal é o ramo da ciência que trabalha com o uso de produtos de origem florestal. Para tanto, o Engenheiro Florestal deve conhecer a dinâmica da floresta e dos seres vivos que fazem parte dela, para que o uso dos produtos não implique em sua exaustão. Além disso, é importante o conhecimento de aspectos socioculturais envolvendo as relações entre sociedade e natureza a fim de se buscar o equilíbrio entre o uso dos recursos e a melhoria da qualidade de vida dos atores sociais envolvidos.

Tradicionalmente, o campo de trabalho do Engenheiro Florestal estava mais associado às grandes indústrias de carvão, celulose e madeira serrada. Atualmente, com a evolução das questões ambientais e a certeza de que a humanidade depende do ambiente em que vive, esta profissão ganhou importância em outros setores. Nas agências governamentais, trabalha para a manutenção e proteção de Unidade de Conservação e fiscalizar o uso das áreas utilizadas pela iniciativa privada. Nas agências de certificação, cria meios para que os consumidores conheçam o comportamento das empresas em relação ao ambiente. Como consultor independente, alavanca a formação de florestas em pequenas e médias propriedades rurais, gerando benefícios para as pequenas comunidades. Mais ainda: as áreas de atuação não se limitam a estas – elas continuam crescendo.

A crescente importância que as florestas assumem no cenário não só da economia, mas especialmente do meio ambiente, cria expectativa na expansão do mercado de trabalho.

A Engenharia Florestal faz interface com diversas áreas como Biologia, Botânica, solos, Ecologia, política, administração, economia e outras Engenharias. As empresas e indústrias florestais, bem como órgãos florestais, ambientais e de fiscalização do governo (União, Estados e Municípios) são os principais empregadores. Engenheiros Florestais são profissionais responsáveis por proteger e administrar recursos florestais e outros, a eles associados, usando conhecimentos de Matemática, Biologia, Ecologia e de processos manufatureiros de produtos da floresta. Cuidam para que empresas que utilizam bens e serviços oriundos da floresta façam a partir de métodos e técnicas sustentáveis, de forma que provoque o menor impacto ambiental possível.

O mercado de trabalho para Engenheiros Florestais é estável, com ótimas perspectivas de crescimento. Por causa do aumento da competição externa e interna, este mercado está dando sinais de aquecimento: a produção da indústria de celulose e papel vem aumentando e tem havido uma crescente conscientização quanto ao uso múltiplo da floresta e a oferta de cursos tem aumentado gradativamente.

Esta capacitação profissional está baseada em uma formação sólida em áreas de conhecimento relacionadas com:

  • Manejo Florestal;
  • Ecologia Aplicada;
  • Tecnologia da Madeira;
  • Geoprocessamento aplicado aos recursos florestais;
  • Silvicultura;
  • Exploração e transporte da Madeira;
  • Gestão Ambiental Sustentável.

 

Última Modificação em : Sexta-feira, 03 de Fevereiro de 2017 por Assessoria de Comunicação - ASCOM
Campus I
Av. Presidente Vargas, nº 650
Centro | CEP: 68.900-070
Macapá - AP
Campus Graziela
Av. Duque de Caxias, 60
Centro| CEP: 68900-071
Macapá - AP
Setor Administrativo
Av. 13 de Setembro, 1720
Buritizal | CEP: 68902-865
Macapá - AP
Campus Território dos Lagos
Av. Desidério Antônio Coelho, 470
Sete Mangueiras | CEP: 68950-000
Amapá - AP
NTE - Núcleo Tecnológico
Rua General Rondon, 1207
Centro | CEP: 68.900-082
Macapá - AP
Copyright © 2018. Portal Universidade do Estado do Amapá.
(96) 2101-0506
ueap@ueap.edu.br