Foto: Floriano Lima
Lançamento de livro marca o início das atividades do I Simpósio de Estudos Linguísticos na Amazônia na UEAP
Lançamento de livro marca o início das atividades do I Simpósio de Estudos Linguísticos na Amazônia na UEAP
 O livro intitulado O Português na África Atlântica
Foto: Karina Rodrigues
O livro intitulado O Português na África Atlântica

 

O livro intitulado "O Português na África Atlântica" foi lançado na noite da última quinta-feira, 24, durante a programação do I Simpósio de Estudos Linguísticos na Amazônia. O livro foi organizado por Márcia Oliveira e Gabriel de Araújo, pesquisadores de fora do Estado.
Quem veio ao Amapá para lançar em primeira mão a obra foi Márcia Oliveira, professora da Universidade de São Paulo (USP). Ela comenta que sempre quis que a obra fosse lançada no Amapá. "Eu dizia que queria lançar o livro no Amapá, porque a Amazônia é a cara africana da África no Brasil, e é uma cara desconhecida. Em uma próxima edição eu quero muito que o município de Mazagão e o Amapá estejam representados. Estou com uma proposta para fazer um livro para retratar as variedades de português no Brasil e na África, para contemplar o Amapá e o Pará, que são áreas que têm muito a dizer e que o mundo quer ouvir", afirma.
O Simpósio é fruto de uma parceria entre a UEAP e UNIFAP. As atividades começaram no dia 22, sendo que nos dois primeiros dias os minicursos foram realizados no campus da Unifap, em Santana. Na quinta-feira, 24, pela manhã, houve a solenidade de abertura da programação, no auditório da UEAP. As atividades seguem até o sábado, 26. Neste último dia a constituição da pesquisa Linguística no Amapá vai ser debatida em uma mesa-redonda. A programação encerra com uma conferência, que tem como tema: África no Brasil: línguas e tradição oral. A professora Edna Oliveira, do colegiado de Letras da UEAP, ressalta que é muito importante a participação dos alunos no evento. "Eles terem a possibilidade de fazer um minicurso com professores, que são pesquisadores de ponta no Brasil é uma oportunidade única".
O professor do colegiado de Letras da Unifap, Eduardo Vasconcelos, conta que o objetivo do evento é trazer à tona informações sobre as línguas, comunidades, povos e fenômenos linguísticos que acontecem no estado inteiro".

Publicado em: Sexta-feira, 25 de Maio de 2018 por Assessoria de Comunicação - ASCOM
Campus I
Av. Presidente Vargas, nº 650
Centro | CEP: 68.900-070
Campus Graziela
Av. Duque de Caxias, 60
Centro| CEP: CEP: 68900-071
NTE - Núcleo Tecnológico
Rua General Rondon, 1207
Centro | CEP: 68.900-082
Copyright © 2018. Portal Universidade do Estado do Amapá.
(96) 2101-0506
ueap@ueap.edu.br